terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Dormir e Sonhar

A hora do descanso deve ser como uma disciplina regularmente respeitada. O descanso é necessário para restabelecer o emocional e reorganizar a vitalidade do organismo. Também serve para revitalizar os pensamentos e as reflexões para os desafios diários, oportunizando melhor entendimento e decisões.
A disciplina do dormir oportuniza aprimorar o sono para sonhos mais dignificantes e harmoniosos. É no sono que o espírito tem a oportunidade de reencontrar amigos e familiares que vivem na Espiritualidade. Também é momento para reencontrar amigos e parceiros que vivenciam os mesmos desafios terrenos para juntos definirem melhores caminhos e orientações.
É no período do sono que o espírito relembra vidas, situações experimentadas em outras existências, conhecimentos aprendidos em encarnações na Terra ou em outros planetas. Também é quando relembra encontros que vivenciou na Espiritualidade, quando ainda desencarnado. Recordações essas que podem ser da Espiritualidade de qualquer dos planetas pela qual encarnou em algum momento da sua progressiva evolução.
Para uma saudável condição do espírito é preciso regularidade de horário e disciplina para as tarefas. Para dormir também deve ser assim. E assim conseguirá sonhar, ou melhor dizendo, vivenciar a Espiritualidade e lembrar da vida no Mundo Invisível.
Fique com Deus!
Irmã Eugênia de Lima

Psicografado em 28 de fevereiro de 2017. 

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Disciplina

Quando o aprendizado exige esforço do aprendiz, é necessário que o primeiro envolvimento dele para com o estudo seja a disciplina. É através da disciplina que o desenvolvimento acontece.
Para todo aquele que deseja conhecer sobre qualquer assunto, a dedicação e a atenção dada ao cotejamento do tempo de envolvimento ao entendimento se faz com esforço. Não sem deixar outras predileções de lado.
Convêm ao aprendiz a atenção ao tempo que estabelece para exercitar seu pensamento. O estudo é uma ginástica mental que exige o estabelecimento de uma rotina com hora marcada para iniciar e encerrar. Preferencialmente se estabelecendo um padrão de horário.
Disso advém a disciplina, decorrente do esforço em estabelecer locais e horários dedicados ao estudo, à meditação, ao raciocínio e contemplação do conhecimento que ora se busca aprofundar e dominar.
Ter domínio de determinado conhecimento, ou seja, ter entendimento minucioso de determinada vertente de assunto, se fundamenta nas rotinas de estudo e padrões de raciocínio conduzidos por uma lógica disciplinada.
Nenhum conhecimento ou conhecedor se fez ou se faz sem a disciplina do estudo. A imaginação é a única que dá saltos e pode conduzir à fascinação e até a obsessão. Diante dessa probabilidade do enganar-se a si mesmo, convém um pensamento disciplinado pela lógica.
Fique com Deus!
Irmão Aníbal

Psicografado em 25 de janeiro de 2017.

domingo, 11 de dezembro de 2016

Medo

Medo! Melhor não tê-lo.
Mas se tem por motivos desconhecidos.
É o desconhecido que não faz sentido,
E dá medo.

Por que então teme-lo?
Quando os motivos estão contidos.
Fazendo par com o pensamento iludido,
É convidativo o enredo.

Mas vai-se o ar de mistério.
E a atmosfera aterradora se dissipa com a aurora.
Quando a luz da manhã já se faz confortadora.
E diante da claridade se vai o medo.

Confiar nas reviravoltas da vida.
Se faz o crescimento da alma.
Que com passos trêmulos se revigora,
E progride em direção ao infinito.

Irmã Estefaní

Psicografado em 10 de dezembro de 2016.

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Organização Espírita


Visite o site e conheça os cursos e palestras da 
Organização Espírita:


Boas-vindas

É chegado o momento de o ar ser renovado. O bem deve prosperar pelas mãos dos trabalhadores que se dedicam ao próximo e ao desenvolvimento da humanidade. No alvorecer do século XXI os homens estão sendo tocados pelas mudanças que estimulam um pensar diferente; um pensar no transcendental, na espiritualidade.
Não ocorreu em nenhum momento antes a situação que se presencia agora. A luz do conhecimento alargou as potencialidades da humanidade em ver muito além dos horizontes de outrora. O Universo não é mais um e único. A ciência já reconhece a condição da multiplicidade de Universos que se interligam. Os cientistas já teorizam sobre os Universos invisíveis e passam a formular caminhos de os identificar e de como seriam.
É nesse contexto que chega a Organização Espírita, que conta com plêiade de abnegados irmãos e irmãs. Espíritos que codificarão compartilhadamente com mãos terrenas as teorias de novas realidades e possibilidades.
Diversos são os chamados. Muitos são os envolvidos. E diante do novo o contexto pode trazer perturbação aos que se dedicarem aos trabalhos de descobertas e de ramificação da paz. Aceitem com paciência as palavras ásperas que por ventura soarem contra. Faz parte do desenvolvimento a crítica e a contenda daquele que ainda não atingiu o conhecimento que hora se divulgará.
Convém sempre a ternura para com os críticos e contendores. O exemplo deve ser sempre o da Moral do Cristo. E o silêncio diante da ofensa condiz em porta aberta ao retorno do contendor ao caminho do bem.
Busquem a paz e o progresso para com todos, respeitando os percalços do desconhecimento e da dúvida, da fantasia fértil ou da ilusão majestosa. As respostas a cada situação devem ser com ternura de devoção. E lembrem sempre que o mestre Pestalozzi apregoou que o momento de ensinar não é o de reprimir; e só quem ama é que sabe ensinar.
Sejam bem-vindos ao trabalho! Estaremos sempre acompanhando todos e auxiliando em tudo que for necessário ao bom desenvolvimento dos trabalhos.

Bartolomeu
Psicografado em 06 de dezembro de 2016.

sábado, 5 de novembro de 2016

Aniversário do blog – Seis anos com a Espiritualidade

É comemorado, com alegria nos nossos corações, mais um ano de intensa atividade. O Blog Espiritualidade completa hoje seis anos de comunicação entre os planos Espiritual e Material. O mundo encarnado tem a oportunidade de ter um canal com o Mundo Espiritual através das mensagens e histórias que são oportunamente dadas ao público.
Muitos têm feito dessas mensagens suas mais sinceras reflexões. Questionamentos e opiniões, assim como também descobertas e estímulos. Os textos sempre buscam destacar a comunicabilidade entre mundos. O pressuposto está amparado no frontispício elencado no Livro dos Espíritos, por Allan Kardec, a de que a comunicabilidade com o mundo invisível é um quesito dos Espíritas.
Acreditar nos espíritos são significa que se acredita na comunicabilidade. E é no sentido da comunicação e intercâmbio de informações, de aprendizados, que o Blog Espiritualidade se destina.
As histórias ou textos são previamente cotejadas no Mundo Invisível, no Mundo Espiritual, e só depois de exame maior é que as mesmas são trazias aos encarnados. O respeito, a disciplina e a condição de entendimento são minuciosamente analisadas. Os efeitos de suas leituras e como se refletirá nos leitores também são cotejadas.
Há histórias e textos com endereço certo, mas extremamente sutil ao leitor; tal como o invisível trabalha. Mas as dinâmicas de pensamentos não ficam sozinhas. As leituras chegam aos que necessitam ler ou precisam de uma abertura da consciência espiritual para mais facilmente pensar e conversar com seus mentores, mentoras, amigos ou familiares que amorosamente lhes querem tocar na Alma.
Durante as leituras, luzes flamantes se fizeram e fazem em diversas circunstâncias e não raro alguns terrenos sentiram os seus efeitos de maneira própria.
Na data de hoje, desejamos que continuem acreditando no amor incondicional. E mantenham sempre presente em suas mentes que o Mundo Espiritual se comunica com vocês, a todo o momento, pelos pensamentos.
Fiquem com Deus!
Irmão Aníbal

Psicografado em 05 de novembro de 2016.

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Música celestial

Muito fiquei pensando, certa vez, sobre as diferentes músicas celestiais que tive a oportunidade de prestigiar em visitas guiadas aos planos superiores. Em particular aos planos angelicais.
Sempre pensei que a musicalidade estava condicionada a instrumentos para produzir vibrações que afetem os sentidos e a emoção. Mas verifiquei que nos planos angelicais essa premissa é desfeita.
Quando chegamos a cidade Grande Coração, já havia notado algumas nuances que colocavam meu pensamento em questão. A dúvida era de outra percussão. E as notas afinadas já originavam de outra situação.
Mas foi na visita a cidade Consolação Divina, localizada em vibração angelical, que tive a dúvida confirmada. Lá a atmosfera é completamente etérea. Na verdade, tudo lá é etéreo. É como se tudo fosse algo que vaporoso; para me fazer entender.
Lá, ao presenciarmos uma plêiade de almas angelicais entoarem a musicalidade de boas-vindas e de aleluias para nós que visitávamos sob condições especiais, entoaram sons e notas que vibravam apenas com o pensamento dos nossos anfitriões. Sem instrumentos.
Vi e senti a música celestial ser originária de orações. Sim! Nossos anfitriões estavam orando pela nossa presença. Eles oravam pelo fato de existirmos e sermos irmãos. E a oração vibrava na atmosfera e produzia melodias arrebatadoras que também perfumavam e coloriam com brilhos todo o ambiente; e faziam tudo aquilo com tal amor que o som, o perfume e aquela infinidade de gotículas luminosas, pareciam nos embalar como uma mãe faz com seus filhos.
Com muito amor para com todos!

Fiquem com Deus!
Irmão Beethoven
Psicografado em 25 de outubro de 2016.